quinta-feira, 10 de março de 2011

Distância

"...a distância do nosso amor fica na distância do nosso olhar, na
distância do nosso toque, na distância das gotas de suor dos nosso
corpos quando fazem amor... a distância do nosso amor fica na
distância do teu respirar junto ao meu peito ou no beijo que deposito nos teus lábios... a distância do nosso amor fica na ânsia de nos voltarmos a encontrar e sentirmos que amar não é só ser e estar mas também o desespero do ter de ir e não poder ficar... a distância do nosso amor fica na distância dos dedos quando se entrelaçam e os corpos se abraçam e ao som de uma doce melodia, os corpos juntos num só, levemente sobre si mesmo rodopia... a distância do nosso amor fica na distância das pequenas distâncias dos pequenos nadas a que damos tanta importância... a distância do nosso amor fica apenas a um simples passo da nossa própria distância..."

2 comentários:

Verinha disse...

"A distância faz ao amor aquilo que o vento faz ao fogo: apaga o pequeno, inflama o grande."

Beijocas super em seu coração Joaquim!

Verinha

Imagem e Poesia disse...

Apaixonei-me, Joaquim!
Li como se eu o estivesse escrevendo! Fantástico escríto.
E me aproximei de teu blog novamente.
Beijinhos
Ceiça